7/02/2017 | Obras

Ação Municipalista

Ação Municipalista é realizada pela primeira vez em Santana

O Município de Santana sediou, nesta terça-feira dia 14 de Agosto de 2018, a “Ação Municipalista: Um evento para quem pensa nos municípios”, onde o Prefeito do Município de Serra do Navio Elson Belo Lobato se vez presente, cuja programação foi realizada no auditório do campus local do Instituto Federal do Amapá – IFAP, sendo promovida pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM), com o apoio da Associação dos Municípios do Estado do Amapá (Ameap).

Na ocasião estiveram presentes o presidente do Conselho Nacional de Secretarias Municipais de Saúde (Conasems), Mauro Junqueira; o delegado adjunto da Receita Federal, Adelmo Freires Gomes; e o diretor executivo da Federação das Associações dos Municípios do Estado do Pará (Famep), Josenir Nascimento, além do presidente da Ameap, Ofirney Sadala, promotores de justiça, prefeitos, vereadores, secretários municipais e estaduais e sociedade civil, registrando um dos maiores públicos das ações, que acontecem em todo o Brasil.

De acordo com o presidente da Ameap, Ofirney Sadala, que também é prefeito de Santana, foi um enorme privilégio para o Município receber o evento, considerado de grande importância para o desenvolvimento dos municípios brasileiros, principalmente por abordarem projetos e ações que podem ser viabilizadas pelas prefeituras e através de parcerias com órgãos das esferas federal e estadual.

Durante a Ação Municipalista, Ofirney Sadala, palestrou sobre a necessidade de alterações na Lei de Improbidade Administrativa, como é o caso do nexo causal, que condena um prefeito por atos cometidos por terceiros.

“Pela primeira vez no Amapá tivemos a oportunidade de sediar um evento dessa grandiosidade promovido pela Confederação Nacional dos Municípios, onde debatemos vários assuntos”, disse Ofirney Sadala, destacando, ainda, entre as abordagens, as informações repassadas sobre processos licitatórios, que são de suma importância para as prefeituras.

Representando o Governo do Estado do Amapá no evento, a secretária de Educação, Maria Goreth de Sousa, destacou a oportunidade que a Ação Municipalista proporcionou, de reunir autoridades e técnicos para dialogar sobre a profissionalização e organização do estado, em busca da eficiência e efetividade, com o objetivo de dar um retorno positivo à população.

Para Josenir Nascimento, da Famep, o evento foi oportuno para se rediscutir a diferença entre os custos regionais em relação aos que são praticados nas regiões sul e sudeste. Segundo ele já há uma mobilização dos prefeitos da Região Amazônica, no sentido de conscientizar as autoridades federais sobre o fato de que as obras e serviços do norte se tornam os mais caros, com um peso elevado para a administração pública.